i gave my life to a simple chord

quarta-feira, outubro 16, 2002


[segunda]

Ok, vamos lá. Não importa que eu não consiga encontrar meus óculos ou que tenha acabado de receber um telefonema sobre como foi bom o show do Chili Peppers em Porto Alegre, enquanto eu, além de ter perdido quatro músicas, discutido com adolescentes e achado tudo uma merda, ainda tive os seios apertados por diversos homens suados. São duas da manhã e eu estou exausta, e ainda não me mudei, minha vida agora é entre caixas, uma puta bagunça, e bagunça me deixa louca, e eu não achei um apartamento, e eu odeio manhãs e odeio acordar cedo e meu corpo está uma merda, tudo está esquisito e nada funciona, e eu queria chorar no colo da minha mãe porque eu tenho 12 anos. Adolescente mesmo é quem nega ser adolescente. Sabe, não é pra qualquer um ser uma velha coroca e ao mesmo tempo ser uma teenager colorida que adora a Barbie. Desde que você não seja um debilóide completo, sua idade mental está nas suas mãos. E francamente, no dia em que eu virar adulta e começar a fazer a barba e usar terno, me internem. Provavelmente estarei com algum sério problema hormonal.

.: Clara Averbuck :. 1:13 PM

Acesse os arquivos por aqui:

  • wanna find me?
  • miau?
  • me espalhe, sou uma peste
  • eu leio a bust