i gave my life to a simple chord

sábado, julho 06, 2002

And the winner is... lost

Since I'm a trophy
Just take my keys
And my rare comics
And that poster you liked so much
And the cd we listened to that night you won me.

Since I'm a trophy
Just tell everybody that you know my body, that you touched me the way you wanted to
And kept me wearing nothing by your side
And wrote in my panties and in my soul.

Since I'm a trophy
Just yell to the world that I love you
And that you don't want me
And that I cried in front of you
And that I believed all your lies while you were laughing at my back.

Since I'm a trophy
Just keep me in the living room
Next to the books and the plants and the saint your aunt gave you for your birthday.
Just keep me close
And live with all the guilt of being such a cheater.

Since I'm a trophy
Tell our story once in a while, when the house is full of people,
Point at me there on the shelf
And be proud of being filthy.

And when you get tired and lonely,
If you realise all the lies were true
Just let me know
And we'll live happy everafter
If I'm still alive.

xxx

Já que eu sou um troféu, leva minhas chaves, e meus quadrinhos raros, e aquele poster que você adorou, e o cd que ouvimos na noite em que você me ganhou.

Já que eu sou um troféu, conta pra todo mundo que você conhece meu corpo, me tocou do jeito que quis, e me deixou vestindo nada ao seu lado, e escreveu na minha calcinha e na minha alma.

Já que eu sou um troféu, grita pro mundo que eu te amo, e que você não me quer, e que chorei na sua frente, e que acreditei em todas as suas mentiras enquanto você ria nas minhas costas.

Já que eu sou um troféu, me deixa na sala, junto com os livros e as plantas e o santo que a sua tia te deu de aniversário. Me mantém perto. E vive com toda a culpa de ser um trapaceiro.

Já que eu sou um troféu, conta a nossa história às vezes, quando a casa estiver cheia. Aponta pra mim na estante e orgulhe-se de ser imundo.

E quando você ficar cansado e sozinho, se você descobrir que todas as mentiras eram verdade, me avisa. E viveremos felizes para sempre, se eu sobreviver.

.: Clara Averbuck :. 3:43 AM

Acesse os arquivos por aqui:

  • wanna find me?
  • miau?
  • me espalhe, sou uma peste
  • eu leio a bust