i gave my life to a simple chord

segunda-feira, junho 10, 2002

Eu sei que tou na casa dos outros e tudo. E que aqui tem a cama mais macia do planeta e a maior tv da vizinhança e o som mais foda da cidade e o melhor chuveiro de todos. Eu sei que não devia reclamar, especialmente porque minha casa é um depósito de caixas e meu chuveiro queimou.

Mas aí, tenho uma reclamação.

A pessoa acorda feliz. Podre, mas feliz. Fanha, com dores e febre (apesar do termômetro burro que apita indicar 35°C, como se você estivesse hipotérmica) e pensa "uh, vou ouvir Primal Scream", porque viu o cd na prateleira na noite passada. Levanta da cama quentinha, liga o computador e pega o disco. OU acha que pegou o disco, porque a porra da caixa está vazia. Me desculpe, mas isso é uma droga. Ainda bem que eu consegui achar o cd em outra caixa. Acho que vou arrumar os cds do M. como um sinal de gratidão.

Eu precisava ouvir Primal Scream, sabe. Quando você acorda precisando ouvir uma música e não ouve, nascem cabelos no peito. É sério.

É que assim.

I was blind, now I can see
You made a believer, out of me
I was blind, now I can see
You made a believer, out of me

I'm movin' on up now
Gettin' out of the darkness
My light shines on
My light shines on
My light shines on

I was lost, now I'm found
I believe in you, I've got no bounds
I was lost, now I'm found
I believe in you, I got no bounds

I'm movin' on up now
Gettin' out of the darkness
My light shines on
My light shines on
My light shines on

Entendeu?


.: Clara Averbuck :. 11:15 AM

Acesse os arquivos por aqui:

  • wanna find me?
  • miau?
  • me espalhe, sou uma peste
  • eu leio a bust